Home / Destaque / Nova York no verão: dicas do que aproveitar!

Nova York no verão: dicas do que aproveitar!

Conheci Nova York este ano, na época mais quente do ano na cidade. Sundresses, rooftops com programação intensa, bares e parques lotados! Não preciso nem visitar NYC em outra estação pra saber que no verão ela fica ainda mais apaixonante!

Em 10 dias de passeios por lá conheci bastante coisa. E pra não ficar um texto massante, vou direcionar aqui os leitores pra aquelas atividades e locais que considerei pontos altos da minha estadia por lá:

Atividades gratuitas ao ar livre – No verão os nova-iorquinos usufruem de diversos projetos gratuitos, principalmente culturais. Um deles é o SummerStage: shows de altíssima qualidade no meio do Central Park, muito bem organizado, e com infraestrutura impecável. Tive a oportunidade de assistir ao show de blues de Taj Mahal e Keb Mo, dia 13 de agosto (meu aniversário!) e foi a melhor programação pra aquele domingo ensolarado!

 

Aniversário no Central Park. Curtindo o SummerStage num domingo de Sol!
Aniversário no Central Park. Curtindo o SummerStage num domingo de Sol!

Outra atividade muito legal que acontece num dos parques da cidade é o Summer Film Festival: uma grande sessão de cinema aberta ao público, no Bryant Park. Em plena segunda-feira, a partir das 18h, o parque já começava a lotar de jovens, famílias, casais. O filme só inicia à noite, por volta das 22h, mas o público chega cedo pra pegar um bom lugar e emenda o final do expediente com um pique-nique/happy hour, seguido da sessão. Assisti ao North by Northwest (Intriga Internacional), de Alfred Hitchcock.

Bryant Park no dia 14 de agosto de 2017. Sessão do Summer Film Festival em NYC.
Bryant Park no dia 14 de agosto de 2017. Público chegando para a sessão do Summer Film Festival em NYC. Crédito: Andressa Griffante.

 

Bryant Park no dia 14 de agosto de 2017. Sessão do Summer Film Festival em NYC.
Inicio do filme Intriga Internacional, de Alfred Hitchcock. Crédito: Andressa Griffante.

Além das ações culturais, as ruas ficam tomadas por esportistas e interessados em atividades físicas, bike, corridas… Uma das ações realizadas durante o verão pela prefeitura é o fechamento da Park Avenue para pedestres, aos sábados de manhã até o meio da tarde. A avenida é enorme e neste período determinado só circulam pedestres, ciclistas, corredores, skatistas, e adeptos de outras formas de locomoção como o roller, por exemplo. O legal é que ao longo da avenida são montados stands que servem como “pit stop”, em que fornecem gratuitamente água, aulas de alongamento, yoga, serviços de reparo para bicicleta, aluguéis de bike, entre outros serviços úteis.

IMG_20170812_102232298
Park Av. durante um sábado de verão – em que é proibida a circulação de carros pela manhã até metade da tarde. Ao fundo parte da fachada histórica do Grand Central Station. Crédito: Andressa Griffante.

Bares ao ar livre e rooftops – A temporada de verão na cidade de Nova York é o período em que muitos hotéis e restaurantes abrem seus terraços para receber o público com música e bons drinks. São vários os locais legais e é sempre possível conhecer um novo. Dos que eu conheci, destaco o Le Bain, no Meatpacking District (bairro charmoso e meio hipster da cidade), e também o topo do Eataly Flatiron, com uma decoração alegre, comida maravilhosa e a vista pro Flatiron Bulding. Outro espaço com uma vista linda e fora do comum é o Frying Pan, uma espécie de barco ancorado que virou point para happy hour. São diversos bares dentro da embarcação, que tem ainda uma área superior com uma vista ainda mais bonita. O melhor é aproveitar o local para tomar um drink assistindo o pôr do sol e sentindo as ondas do Hudson River, depois de uma caminhada pelo High Line – que aliás é uma ótima opção de caminhada, tanto durante o dia, como à noite. Não muito longe dali, está o Whitney Museum of Art, com um restaurante e cafeteria também ao ar livre, num rooftop charmoso e rodeado de instalações artísticas e uma vista lindíssima!

IMG_20170811_184659101_HDR
No pier 66, no rio Hudson, o bar flutuante Frying Pan. Crédito: Andressa Griffante.
IMG_20170811_185327508_HDR-EFFECTS
Frying Pan. Crédito: Andressa Griffante.
IMG_20170817_122238000
Terraço do Whitney Museum of Art. Crédito: Andressa Griffante.
IMG_20170817_122510545
Whitney Museum. Crédito: Andressa Griffante.
IMG_20170817_122545313
Vista do High Line (esta passarela repleta de paisagismo) de cima do Whitney Museum. Crédito: Andressa Griffante.

Praia pertinho – Ainda que em Nova York seja rodeada por rios e exista algumas áreas balneáveis, pra quem gosta de praia mesmo, a escolha de muitos é por Long Beach, cerca de uma hora de distância de NYC de trem. Na Pennsylvania Station saem os trens pra diversas localidades. Ali mesmo na estação é possível comprar online em um tótem a passagem de trem para Long Beach e também o ingresso pra praia (sim, lá é preciso pagar pra entrar na praia e, acreditem, ela não é mais limpa por causa disso e pra piorar ainda é proibido tomar bebidas alcoólicas em áreas públicas!). Ao todo, passagem mais o ingresso, o gasto foi de cerca de $25.

Long Beach - verão 2017. Crédito: Andressa Griffante.
Long Beach – verão 2017. Crédito: Andressa Griffante.

 

Na praia de Long Beach. Num sábado lindo de sol! (19 de agosto de 2017). Crédito: Andressa Griffante.
Na praia de Long Beach. Num sábado lindo de sol! (19 de agosto de 2017). Crédito: Andressa Griffante.

Existem muitos outros pontos maravilhosos para citar por aqui, mas tentei priorizar aqueles em que eu mais pude aproveitar o clima! Outras dicas de NYC virão em próximos posts!

E você, já foi à Nova York durante o verão? Comenta aí o que mais curtiu da cidade!

Sobre Andressa Griffante

Andressa Griffante é jornalista gaúcha, mora em Porto Alegre e uma viajante apaixonada por arte, história e cultura. Acredita que os lugares e as pessoas tem muito pra nos ensinar, e que nem sempre precisamos ir longe pra aprender com o mundo. Além de editora deste blog, é empreendedora online na agência RSbloggers - com a qual foi considerada uma das 30 pessoas mais influentes do mercado digital de 2016 pelo YouPIX.

Veja Também!

IMG_7587

Descubra o ecoturismo de Bonito-MS!

Bonito, no Mato Grosso do Sul, é um dos principais destinos de ecoturismo do país. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *