Caminhos de Lomba Grande: nova rota gaúcha de turismo rural

Já falei aqui no blog sobre um destino rural encantador perto da capital gaúcha, o bairro de Lomba Grande, que fica na cidade de Novo Hamburgo. Pois agora a região ganhou rota turística própria, o que inclui materiais informativos e de divulgação que poderão auxiliar ainda mais os visitantes a buscar onde comer, se hospedar e os principais atrativos a percorrer no local.

Intitulado Caminhos de Lomba Grande, o roteiro é opção principalmente para quem busca por lazer e descanso junto à natureza, mas também é destino para quem gosta de praticar esportes como caminhadas e ciclismo; e apreciadores de boa gastronomia e produtos orgânicos.

Caminhos de Lomba Grande:

Uma região de belas paisagens com natureza preservada, esse é o cenário da rota turística Caminhos de Lomba Grande, que associada à diversidade cultural é o destino ideal para vivenciar momentos de lazer, tranquilidade e uma gastronomia diversificada. 

Empreendimentos voltados às experiências ao ar livre para todas as idades, contato com animais, resgate de brincadeiras antigas e balneários. Isso tudo em meio a estradas bucólicas que também servem de trajetos para cicloturismo e caminhadas. 

Entre um passeio e outro, o visitante pode participar de alguns dos tantos eventos locais, levar para casa produtos coloniais e orgânicos e contemplar a bela arquitetura dos casarios antigos de Lomba Grande.

Com tantos atrativos, a rota está organizada em 5 grandes temas de interesse dos visitantes. São eles:

Abaixo apresentamos os principais pontos turísticos de cada um desses segmentos.

Belezas naturais para passar o dia em Lomba Grande

Grande parte dos turistas que visitam a área rural de Lomba Grande estão em busca de momentos de tranquilidade em meio à natureza que o destino proporciona. 

Pensando nisso, alguns empreendimentos oferecem estrutura de lazer e conforto para quem quer passar o dia, realizar diferentes atividades ao ar livre e também para quem deseja se hospedar neste cenário bucólico e acolhedor. 

Conheça esses empreendimentos:

Uma história de mais de 40 anos de preservação da natureza fazem deste espaço o lugar ideal para realizar retiros, vivências e cursos em grupo. A estrutura é bastante ampla, com salões grandes e muitas áreas verdes. Também possuem hospedagem que pode ser reservada individualmente. As suítes para casal e família são bem iluminadas e aconchegantes com acabamentos em madeira e detalhes feitos em nossa marcenaria. Um lugar pra descansar, se conectar com a natureza e com um estilo de viver amoroso.

Um refúgio em meio a natureza para uma experiência de lazer e gastronomia, um amplo jardim para curtir o pôr do sol em um espaço familiar e aconchegante. O local busca reconectar as crianças com as coisas simples e belas da vida, proporcionando o resgate infantil do brincar, além disso, são pet friendly. Os visitantes aproveitam para degustar as especialidades da casa: churrasco na pedra, tábua de frios, pic nic ao ar livre e a diversificada carta de bebidas.

O Suns da Lomba é um lugar para desacelerar, ouvindo uma boa música, boa comida, cerveja artesanal, vinhos e drinks, e no final do dia contemplar um lindo pôr do sol. Para os pequenos possuem espaço kids que conta com recreacionistas, brinquedos, casinha na árvore, carrinho de lomba. Também é possível fazer o tour pela fazendinha onde as crianças terão contato com vários animais, inclusive dando comidinha a eles. O local é pet friendly.

O sítio oferece 8 piscinas com água tratada, com várias profundidades e 2 rampas molhadas. Possui aproximadamente 270 churrasqueiras que podem ser usadas por ordem de chegada e 6 quiosques mediante agendamento para grupos maiores. Contam com 2 lancherias e 2 sanitários. Campo de futebol e vôlei. Ruínas de um curtume e uma paleotoca para contemplação externa. 

*funcionamento durante temporada de verão

Gastronomia

Também é comum a Lomba Grande receber visitantes que frequentam a região para aproveitar os restaurantes de culinária caseira, feita com produtos orgânicos e frescos. 

Alguns lugares para você degustar gastronomia de qualidade:

Em um casarão do século passado fica O Perdigueiro restaurante, casa onde o Vô Otto e a Vó Tony constituíram a sua família. Hoje o restaurante é comandado pelos seus netos. Imagina um almoço de Vó! No Perdigueiro você sente este quentinho no coração, lá você encontra buffet de comida caseira com influência da culinária alemã, localizado no centro de Lomba Grande. E não se esqueça de pedir a Spritzbier, bebida fermentada de limão e gengibre, muito popular antes do advento dos refrigerantes.

No Café Colonial Lomba Grande é possível desfrutar o verdadeiro café colonial! São mais de 60 itens entre sucos, vinhos, doces, salgados e tortas. Todos os produtos são produzidos artesanalmente. Além do ambiente aconchegante, com acessibilidade e estacionamento, oferece brinquedoteca, sala reservada, salão interno e área externa com vista panorâmica, onde você pode apreciar o lindo pôr do sol da região.

O 5º CTG mais antigo do estado, fundado em 1938 é um dos grandes CTGs do Estado, referência em gestão, cultura, dança, e atividades campeiras. Há 30 anos realiza as “noites gaúchas” nas terças à noite, com os maiores conjuntos de música nativista. Contam com uma área de 12 hectares, com 2 galpões com capacidade para mais de 2000 pessoas, cancha de laço, estrutura para acampamentos e hotelaria para cavalos.

Produtos coloniais e orgânicos

Outra opção para quem se encanta com a gastronomia colonial da região é levar pra casa alguns produtos que só encontramos em Lomba Grande. 

Veja onde encontrar esses produtos coloniais:

O endereço dos sabores, assim é A Tenda, um espaço acolhedor na entrada de Lomba Grande, onde você encontra verduras frescas abastecidas diariamente, parte delas da localidade, frutas da melhor qualidade. Produtos coloniais: queijo, salame, linguiça, torresmo, galinha caipira e congelados que facilitam seu dia. A produção de biscoitos, geléias, conservas, bolos e cucas caseiras remetem a lembranças de infância. Oferecem ainda o melhor caldo de cana de Lomba Grande.

Ambiente acolhedor em meio a natureza e cheio de delícias. No Amigos da Terra é possível encontrar uma grande variedade de produtos orgânicos, integrais, artesanais, sem glúten, sem lactose e veganos. Além disso, o espaço possui uma cafeteria com diversas opções veganas e tradicionais para compor seu lanche.

Um local que reúne os diversos sabores do Mel de Lomba Grande, produzidos a partir de floradas especiais regionais de apiários próprios. São produtos premiados, como o mel de Laranjeira (citrus); o Mel Branco, exclusivo da mata nativa dos campos de cima da serra; o Mel Silvestre, muito aromático da mata ciliar e o mel de eucalipto, um poderoso expectorante natural. Ainda é possível encontrar, de acordo com a produção, o mel de bracatinga e de arnica do campo nativo.

A Plantoteca é um projeto ambiental dentro de um sítio, onde está presente a maior coleção de plantas do sul do Brasil. São mais de 6 mil espécies de todo o mundo. Além disso, possui um viveiro botânico recheado de plantas raras e ornamentais para sua casa, jardim ou coleção. É uma verdadeira viagem pelo mundo através das plantas e suas histórias.

A Vale 4 é uma cerveja artesanal gaúcha que bebe do espírito do Truco Cego, com essência e autenticidade. Trabalha com três estilos fixos de cervejas: Pilsen Premium, Amber Ale e Session IPA, além de edições especiais.

A primeira cachaçaria de Novo Hamburgo, investe na produção em pequena escala, sustentável e ecológica, em ambiente privilegiado com vista panorâmica e todo acolhimento da produção familiar. A cachaça é destilada em alambiques de cobre, com alta seletividade e qualidade. Ainda conta com visitação sensorial guiada.

Religiosidade

Lomba Grande também destaca seu potencial para o turísmo religioso. A forte religiosidade dos imigrantes que chegaram ao local, resultou em um legado expressivo de igrejas e templos repletos de arte sacra e vitrais. 

Algumas das principais igrejas fruto deste legado são:

  • Igreja Católica São José

Fundada em 24 de maio de 1940, a igreja tem São José como padroeiro. Em suas janelas apresenta belos vitrais, já no seu entorno encontra-se o coreto, mais antigo que a própria torre da igreja, nele eram realizadas as antigas quermesses ao som das bandinhas. Ao lado da Igreja está o cemitério católico de Lomba Grande, onde estão enterrados os primeiros imigrantes alemães que chegaram à cidade. No local também é possível encontrar belas esculturas em mármore e pedra Gres.

  • Igreja Evangélica de Confissão Luterana 

Os primeiros cultos começaram a ser rezados em 1834 e aconteciam no prédio da escola local. Construída em pedra grês, foi fundada em 5 de março de 1848, mas a torre só foi erguida no ano de 1889, sendo inaugurada no dia 31 de outubro de 1894, em comemoração à Reforma Protestante. Em 1911 foi inaugurado um novo corpo principal do prédio, após a demolição do antigo, do qual só se manteve a torre. A atual igreja, com projeto datado de 1890, de autoria do arquiteto João Pfünder, teve algumas modificações com relação ao projeto original, tornando-a mais ampla. Guarda em seu interior um dos primeiros órgãos de tubos instalados no Brasil, o qual segue em funcionamento. Na igreja também foram filmadas cenas do Filme “A paixão de Jacobina”. 

Cicloturismo e caminhadas

A paisagem de Lomba Grande também serve de cenário para as práticas esportivas, especialmente ciclismo e caminhadas. Com trajetos de diferentes níveis, que atendem tanto profissionais que buscam locais para treino, como atletas amadores e quem prefere exercícios mais leves.

O destino conta com passeios organizados especialmente para esse fim e também possui estrutura como a da Pedalando no Sul.

Eventos e diversidade cultural

Por fim e não menos importante, Lomba Grande recebe um grande número de eventos que enaltecem sua variedade cultural e ajuda a perpetuar as tradições de sua comunidade.

Alguns dos principais eventos no calendário da região:

  • Carreata de Lomba Grande (março)

Organizada anualmente pela Associação dos Amigos Carreteiros de Lomba Grande, tem conquistado simpatizantes, inclusive de zonas urbanas, atraídos pelo evento que revela a cultura da comunidade de Lomba Grande, constituída essencialmente, por propriedades rurais, altamente produtivas e que ainda faz uso do carro de bois para transportar e estabelecer relações comerciais, sociais e culturais com comunidades vizinhas. 

  • Festa do Colono (julho)

Realizada em homenagem aos agricultores da cidade, no bairro rural Lomba Grande que está a cerca de 15 km do centro da cidade. É uma festa gratuita direcionada ao público em geral. Os festejos se iniciam com um desfile na principal rua do bairro seguido de outras atrações como banda típica, jogos rurais, venda de produtos coloniais, hortigranjeiros, mel e artesanatos

  • Halloween de Rua Lomba Grande (outubro)

Com o intuito de unir famílias e juntar amigos para se descontrair e viver essa experiência no bairro, o evento traz a essência do convívio em vizinhança, que abre suas casas para entregar doces e amor aos participantes do evento. É com certeza uma doçura de evento, organizado com muito amor por uma família que acredita no potencial da união das pessoas. Percorrer ruas do bairro com as crianças coletando doces e distribuindo seus sorrisos, e ao final uma festa de encerramento. O Halloween de Rua já é tradição e a sua 10° edição é aguardada pelos que se deslocam até a zona rural de Novo Hamburgo atrás de diversão para a família e amigos

  • Rodeio Interestadual de Lomba Grande (dezembro)

O Rodeio Interestadual de Lomba Grande, realizado pela Sociedade Gaúcha, ocorre sempre no mês de dezembro e reúne grande público entre participantes das diferentes modalidades das provas artísticas ou campeiras e, visitantes que encontram no Rodeio um local propício para cultuar as tradições gaúchas, reviver lembranças, dançar em um típico fandango ou ainda confraternizar com muita alegria durante os 2 dias de festa.

Clique aqui e acesse a apresentação do Caminhos de Lomba Grande e saiba mais sobre os atrativos e serviço de funcionamento.

Sobre o Município de Novo Hamburgo:

Está a 40 km da capital gaúcha e integra o Vale Germânico e a Rota Romântica. Conta com fácil acesso rodoviário e ligação direta via metrô ao Aeroporto Internacional Salgado Filho. Sede do maior parque de exposições e feiras da região, realiza anualmente diversos eventos de âmbito nacional e internacional. Preserva um riquíssimo Centro Histórico tombado pelo IPHAN, onde é possível encontrar casarões, igrejas, museus e praças.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A Passageira

A Passageira

Andressa Griffante é Jornalista, especialista em Marketing de Conteúdo e Influência, e uma viajante apaixonada por arte, história e cultura. Acredita que os lugares e as pessoas tem muito para nos ensinar, e que nem sempre precisamos ir longe para aprender com o mundo.

Que valoriza a liberdade de viajar sozinha e o aprendizado de se perder de vez em quando. Gosta de planejar cada passo de uma viagem com antecedência, mas às vezes se joga numa trip de última hora. Quer aproveitar a vida ao máximo e compartilhar seus caminhos, afinal, estamos todos aqui de passagem…